30 de dezembro de 2012

A aranha e a sua teia

FOTO: Carlos Fernandes
A aranha aplica na construção da sua teia um maravilhoso plano de engenharia, que se encontra inscrito no próprio código genético. E este é resultado do exercício que, durante milhões de anos, fizeram todas as aranhas antes dela. Podemos deixar-nos fascinar pela perfeição de uma teia de aranha, admirar a sua regularidade, enaltecer a sua exactidão matemática. No entanto, cumprida a sua função, logo a aranha se lança na tecedura de uma nova. Porque o fito dela é apanhar a mosca e não a teia em si. E isso não a impede, naquilo que faz, de fazer o melhor que sabe.

Perlada de orvalho -
Brilha ao sol da manhã
A teia de aranha.

Breve sinal de uma luta
Que na morte se faz vida.

3 comentários:

  1. Encanto-me com tamanha beleza e sensibilidade para construir um texto e tanka.

    Um abraço.

    ResponderEliminar